Tiara de Minnie e Mickey

Passo a passo: 


Gosto quando as crianças mergulham de cabeça na fantasia do tema da festa, literalmente falando. Chapéus, tiaras e máscaras temáticas são ótimos instrumentos para patrocinar essa transição. Principalmente se forem distribuídos na entrada da festa.
A ideia de fazer tiaras do Mickey e da Minnie nasceu ao observar uma tiara da Maricota que faz parte de uma fantasia.
Há certas coisas que aparentemente são fáceis e acabam se revelando muito mais complicadas, quando começamos de fato o trabalho de desenvolvê-las. Essas tiaras são uma delas.
A primeira dificuldade foi encontrar as tiaras na espessura, cor e material desejado. Depois de muito pesquisar, encontrei pela internet uma loja que vendia o tal produto.
Se alguém for procurar, busque por tiara de plástico preto, com 5mm de espessura.
Tiara%20preta%205mm
As minhas foram compradas na 25 de março, pela querida amiga Elaine Batistel,que me fez um grande favor. Elaine, mais uma vez, obrigada!
A segunda dificuldade foi o molde das orelhas. Parti em busca de moldes das orelhas, sem sucesso. Não achei os moldes pela internet. Ou não procurei direito ou acho que ninguém imaginou que algo tão simples pudesse se objeto de pesquisa.
Acabei utilizando a tiara da fantasia da Mariana como referência, mas ela era feita de feltro e seu acabamento era diferente do que eu planejava fazer, já que pretendia usar EVA.
Quem for fazer em EVA também deve dar preferência aos emborrachados de espessura mais grossa. Se ele for muito fino, as orelhas não se sustentarão em pé.
Eis o molde, desenhado numa folha de papel A4. Clique sobre a imagem, para salvá-la.
molde_orelhasDepois do primeiro molde cortado, tentei colar as orelhas de modo que não ficassem brechas. Tentei de várias maneiras. Dobrando o EVA, envergando, colando sobre a tiara… E nenhuma delas me agradou. Estava quase desistindo de usar orelhas em EVA. Minha segunda opção seria fazê-las em feltro engomado. Mas além de mais caras e trabalhosas, eu desperdiçaria todas as folhas de EVA preto que já havia comprado. Insisti mais um pouco e encontrei um jeito para riscar o molde da orelha acompanhando a mesma curvatura do arco. O segredo é riscar por fora do diadema (arco/tiara) e não pelo lado de dentro.
Esse trabalho é chato e exige muita paciência. Foi a parte mais demorada de todo o serviço. Ao cortar, devemos ter cuidado para não escapulir fora do traçado.
preparativos_Minnie
Bingo! Cortei todas as orelhas.
Próxima etapa: colar as orelhas no diadema. Fácil, pensei. É só usar cola quente. Errado! Olha que coisa horrorosa ficou:
acabamento ruim
Fui tentando de vários jeitos até resolver usar cola superbond. Muito mais prático e o acabamento ficou muito melhor. O único problema é que a descuidada aqui foi abrir a cola com a boca e acabou colando lábios, língua e dedos… mas nada que água quente e vinagre não resolvessem.
Depois de coladas todas as orelhas, metade das tiaras já estava pronta, pois o Mickey não usa laço.
preparativos_Minnie 096
A outra dificuldade foi encontrar um tecido ideal para costurar os lacinhos da Minnie. Os tecidos que eu havia comprado para fazer as tulipas eram de algodão e não tinham caimento para fazer um laço tão pequeno. Ficavam armados, feios, sem graça. Nem cogitei em fazer o laço de EVA, pois não gostei de algumas imagens que encontrei pela internet. Sou perfeccionista, já notaram?
Numa conversa por e-mail, com a Alana Vieira, leitora do blog que também mora em Maceió, ela me indicou o Mercadão dos Tecidos, onde encontrei um crepe fininho e transparente vermelho de bolinhas brancas a R$ 9,90 o metro. Exatamente o que eu precisava! Mas também pode ser usado musselina, chiffon ou até mesmo voal.
Agora, foi quebrar a cabeça para costurar os laços sem deixar a costura visível.
Para encurtar a história, resolvi cortar tiras largas de 26cm de um lado ao outro do tecido. Passei na máquina a tira dobrada ao meio, deixando mais ou menos com 12 cm de largura, descontado o acabamento do alinhavado.
Virei pelo avesso e cortei retângulos, a cada 13 cm. Para prender o laço de um jeito prático (já que eu tinha quase 30 peças para costurar e quase nenhum tempo sobrando) dei uns pontos a mão pelo lado de dentro – só para que o laço não se desmanchasse: um de cada lado.
laço-minnie
Arrumei o círculo na minha mão, com a costura para dentro e franzi ao meio, para passar uma tira pequena de tecido (de mais ou menos 4cm x 6cm) dobrada em três partes, sem costura mesmo, pois fazer um rolotê com tecido é transparente não ficaria bom.
Costurei a mão por trás e dobrei as pontas para dentro. Tive o cuidado de deixar o alinhavado para baixo, onde seria aplicada a cola quente e esconderia a linha branca.
tiara-minnie
Reparem que tanto de frente quanto de costas não dá pra ver a costura do laço.
Para dar melhor aparência ainda, depois dos três primeiros laços prontos, tive a ideia de prender os laços seguintes com a costura no centro ao invés de na lateral, assim, ela seria escondida pela alça do miolo e nenhuma costura ficou aparente. Falando assim parece complicado, mas ao fazer e seguir as instruções acima vocês verão que não é tanto.
Demorei mais tempo para fazer o primeiro protótipo, pois fui aprendendo com os erros cometidos. Os outros saíram no automático.
Depois do lacinho pronto, foi só colar com cola quente na tiara, arrumando direitinho.
Voilá!



Retirado do blog: Blog feito a mão 

Gosto quando as crianças mergulham de cabeça na fantasia do tema da festa, literalmente falando. Chapéus, tiaras e máscaras temáticas são ótimos instrumentos para patrocinar essa transição. Principalmente se forem distribuídos na entrada da festa.
A ideia de fazer tiaras do Mickey e da Minnie nasceu ao observar uma tiara da Maricota que faz parte de uma fantasia.
Há certas coisas que aparentemente são fáceis e acabam se revelando muito mais complicadas, quando começamos de fato o trabalho de desenvolvê-las. Essas tiaras são uma delas.
A primeira dificuldade foi encontrar as tiaras na espessura, cor e material desejado. Depois de muito pesquisar, encontrei pela internet uma loja que vendia o tal produto.
Se alguém for procurar, busque por tiara de plástico preto, com 5mm de espessura.
Tiara%20preta%205mm
As minhas foram compradas na 25 de março, pela querida amiga Elaine Batistel,que me fez um grande favor. Elaine, mais uma vez, obrigada!
A segunda dificuldade foi o molde das orelhas. Parti em busca de moldes das orelhas, sem sucesso. Não achei os moldes pela internet. Ou não procurei direito ou acho que ninguém imaginou que algo tão simples pudesse se objeto de pesquisa.
Acabei utilizando a tiara da fantasia da Mariana como referência, mas ela era feita de feltro e seu acabamento era diferente do que eu planejava fazer, já que pretendia usar EVA.
Quem for fazer em EVA também deve dar preferência aos emborrachados de espessura mais grossa. Se ele for muito fino, as orelhas não se sustentarão em pé.
Eis o molde, desenhado numa folha de papel A4. Clique sobre a imagem, para salvá-la.
molde_orelhasDepois do primeiro molde cortado, tentei colar as orelhas de modo que não ficassem brechas. Tentei de várias maneiras. Dobrando o EVA, envergando, colando sobre a tiara… E nenhuma delas me agradou. Estava quase desistindo de usar orelhas em EVA. Minha segunda opção seria fazê-las em feltro engomado. Mas além de mais caras e trabalhosas, eu desperdiçaria todas as folhas de EVA preto que já havia comprado. Insisti mais um pouco e encontrei um jeito para riscar o molde da orelha acompanhando a mesma curvatura do arco. O segredo é riscar por fora do diadema (arco/tiara) e não pelo lado de dentro.
Esse trabalho é chato e exige muita paciência. Foi a parte mais demorada de todo o serviço. Ao cortar, devemos ter cuidado para não escapulir fora do traçado.
preparativos_Minnie
Bingo! Cortei todas as orelhas.
Próxima etapa: colar as orelhas no diadema. Fácil, pensei. É só usar cola quente. Errado! Olha que coisa horrorosa ficou:
acabamento ruim
Fui tentando de vários jeitos até resolver usar cola superbond. Muito mais prático e o acabamento ficou muito melhor. O único problema é que a descuidada aqui foi abrir a cola com a boca e acabou colando lábios, língua e dedos… mas nada que água quente e vinagre não resolvessem.
Depois de coladas todas as orelhas, metade das tiaras já estava pronta, pois o Mickey não usa laço.
preparativos_Minnie 096
A outra dificuldade foi encontrar um tecido ideal para costurar os lacinhos da Minnie. Os tecidos que eu havia comprado para fazer as tulipas eram de algodão e não tinham caimento para fazer um laço tão pequeno. Ficavam armados, feios, sem graça. Nem cogitei em fazer o laço de EVA, pois não gostei de algumas imagens que encontrei pela internet. Sou perfeccionista, já notaram?
Numa conversa por e-mail, com a Alana Vieira, leitora do blog que também mora em Maceió, ela me indicou o Mercadão dos Tecidos, onde encontrei um crepe fininho e transparente vermelho de bolinhas brancas a R$ 9,90 o metro. Exatamente o que eu precisava! Mas também pode ser usado musselina, chiffon ou até mesmo voal.
Agora, foi quebrar a cabeça para costurar os laços sem deixar a costura visível.
Para encurtar a história, resolvi cortar tiras largas de 26cm de um lado ao outro do tecido. Passei na máquina a tira dobrada ao meio, deixando mais ou menos com 12 cm de largura, descontado o acabamento do alinhavado.
Virei pelo avesso e cortei retângulos, a cada 13 cm. Para prender o laço de um jeito prático (já que eu tinha quase 30 peças para costurar e quase nenhum tempo sobrando) dei uns pontos a mão pelo lado de dentro – só para que o laço não se desmanchasse: um de cada lado.
laço-minnie
Arrumei o círculo na minha mão, com a costura para dentro e franzi ao meio, para passar uma tira pequena de tecido (de mais ou menos 4cm x 6cm) dobrada em três partes, sem costura mesmo, pois fazer um rolotê com tecido é transparente não ficaria bom.
Costurei a mão por trás e dobrei as pontas para dentro. Tive o cuidado de deixar o alinhavado para baixo, onde seria aplicada a cola quente e esconderia a linha branca.
tiara-minnie
Reparem que tanto de frente quanto de costas não dá pra ver a costura do laço.
Para dar melhor aparência ainda, depois dos três primeiros laços prontos, tive a ideia de prender os laços seguintes com a costura no centro ao invés de na lateral, assim, ela seria escondida pela alça do miolo e nenhuma costura ficou aparente. Falando assim parece complicado, mas ao fazer e seguir as instruções acima vocês verão que não é tanto.
Demorei mais tempo para fazer o primeiro protótipo, pois fui aprendendo com os erros cometidos. Os outros saíram no automático.
Depois do lacinho pronto, foi só colar com cola quente na tiara, arrumando direitinho.
Voilá!


Retirado do blog: Blog feito a mão
http://www.blogfeitoamao.com/2010/09/preparativos-da-festa-infantil-com-tema-minnie.html

8 comentários:

  1. vc colou em cima da tiara as orelhas

    ResponderExcluir
  2. Adorei ! Dá muito trabalho mas você conseguiu fazer bem feito ! Parabéns ! Vender é uma boa ideia !

    ResponderExcluir
  3. Adorei, vou tentar fazer um hj, pois ja tenho encomendas, não sou costureira mas faço mochilinhas e almofadas.
    bjkas
    Sucesso no seu blog

    ResponderExcluir
  4. Ficou realmente muito lindo! Vou tentar fazer para o aniversário da minha pequena em Dezembro. Acho que terei dificuldade de encontrar as tiaras pretas.

    ResponderExcluir
  5. em que loja na 25 de março foram compradas as tiaras?

    ResponderExcluir
  6. Gostaria muito de fazer no aniversario da minha filha que será em julho, mas que não vou encontrar esse material aqui na minha cidade, pois moro em uma cidade pequena que não tem nada praticamente. Adorei ficaram lindas.

    ResponderExcluir